BEM-VINDO VIAJANTE! O QUE BUSCA NO MULTIVERSO?

#ClubedoMultiverso.:20 | Os Sete Maridos de Evelyn Hugo

Imagem retangular com uma montagem de elementos. Sobreposto sobre uma imagem do céu estrelado em tons de azul, um retângulo com bordas brancas contém: recorte da ilustração de capa de Os Sete Maridos de Evelyn Hugo, trazendo uma mulher em vestido de festa com colares de pérolas no pescoço.Toda a imagem tem um filtro de tom verde em referência aos vestidos famosos da personagem. Em destaque sobre a imagem em letras brancas o título do podcast se destaca no canto inferior esquerdo: Clube do Multiverso. Enquanto no canto superior direito três ícones - um foguete um microfone e um número - representam a nave Interlúdio, que se trata de um podcast e sua numeração 20.

Reproduzir Em Uma Nova Aba - Faça o Download - Arquivo Zip
 
Está no ar mais um #ClubedoMultiverso. Aqui, junto com nossos leitores e ouvintes, entregamos o resultado dos debates sobre a leitura conjunta de uma determinada obra, realizada em nossa comunidade no Discord no mês anterior.
Em nossa leitura coletiva de Agosto de 2021, acompanhamos a história de uma das maiores estrelas de Hollywood e seus sete casamentos: Os Sete Maridos de Evelyn Hugo, obra de Taylor Jenkins Reid. Nesse episódio, junto do Capitão Ace Barros, estão AirechuCamila Loricchio e Patrícia Souza.
Ouça e descubra o que achamos dessa leitura; saiba o que tanto encanta em Evelyn Hugo; debata sobre as falhas das personagens; faça sua escala de marido ruim; e debata se o mistério final foi satisfatório ou não.
Acompanhe-nos, estimados exploradores de universos!

DURAÇÃO: 1 Hora 21 Minutos e 35 Segundos

COMENTADOS NO PODCAST:

Livro | Os Sete Maridos de Evelyn Hugo, de Taylor Jenkins Reid - Compre - Skoob - Goodreads
Resenha | Os Sete Maridos de Evelyn Hugo, de Taylor Jenkins Reid
A TRIPULAÇÃO NAS REDES:
Twitter: @MultiversoX - @CapAceBarros - @_Airechu - @JulioBarcellos - @sih_souz - @camiaetria - @samuelmuca_
Instagram: @multiversox - @_airechu @juliobarcellos - @castelodecartas -  @samuelmuca_dd
Facebook: Multiverso X
Skoob: 
CapAceBarros - Airechu - JulioBarcellos - Sih - Camila Loricchio - Samuel Muca

QUER O FEED PARA ADICIONAR NO SEU AGREGADOR FAVORITO?

Assine o nosso feed: feeds.feedburner.com/multiversox/podcast

SUGESTÕES, CRÍTICAS E DÚVIDAS:

Envie e-mails para: contato@multiversox.com.br

Em Financiamento | Masks A Nova Geração



Uma nova geração de heróis está pronta para mostrar serviço e você pode fazer parte deles!
A editora Circuito Camaleão está trazendo o livro de Role Playing Game (RPG) Masks: a nova geração para o Brasil em um projeto de financiamento coletivo no Catarse. A campanha, na modalidade tudo ou nada, começou dia 6 de agosto e busca arrecadar R$ 35 mil para imprimir o livro em capa dura.
-
A Circuito Camaleão foi fundada para que Masks: a nova geração de Brendan Conway tivesse sua edição brasileira. Isso porque trata-se de um jogo divertido, leve e ao mesmo tempo desafiador. O sucesso que o jogo tem feito no Brasil mesmo com o material original motivou a editora a trazê-lo para mais pessoas. Não apenas traduzindo, como também promovendo a melhor experiência possível.
-
Mas o que de fato seria Masks? Masks é um jogo de RPG no qual você interpreta jovens super-heróis que estão crescendo em uma cidade com várias gerações heroicas. Pacatópolis teve mais do que seu quinhão de super-heróis, superequipes, supervilões e tudo mais, ao longo de três gerações diferentes de superpessoas. Você será membro da quarta geração, formada por jovens adultos tentando descobrir quem são e que tipo de heróis desejam ser. Afinal, de que adianta ser um herói se você não pode lutar pelas coisas em que acredita?
-
Masks é baseado no premiado sistema Powered by the Apocalypse (PbtA) desenvolvido por Vincent Baker e usado em Apocalypse World, Monsterhearts, Dungeon World e muitos mais. É um sistema leve de regras que alimenta algumas das melhores inovações em jogos nos últimos dez anos. Masks foi construído desde o início para incorporar tudo o que tem de melhor sobre os jogos PbtA além de trazer suas características próprias.
-
Se você assim como eu curte histórias de heróis como Justiça Jovem, Jovens Titãs, Jovens Vingadores, X-Men esse jogo é pra você! Sério, confere mais do projeto e já vai planejando personagens porque os meus já estão até pronto! 


Para quem não conhece, o funcionamento de um financiamento coletivo é simples: os objetivos são esclarecidos na página da campanha e as recompensas são apresentadas, o apoiador escolhe entre as possibilidades com quanto irá contribuir já sabendo qual será a sua recompensa. Quando a meta não é alcançada o dinheiro é devolvido, e em algumas campanhas quando o valor estipulado é ultrapassado metas extras bonificam aqueles que contribuíram (não necessariamente todos, isso varia de recompensa para recompensa e de campanha para campanha).
-
A intenção inicial da editora era fazer um projeto com as mesmas recompensas do financiamento coletivo original, com dados personalizados, baralhos de vilania e de heróis impressos, além daqueles que conseguimos disponibilizar. Entretanto, essas recompensas encareceriam a meta inicial, tornando o projeto difícil de ser financiado por uma editora iniciante. Com isso em mente, os sócios optaram por focar no livro básico, que terá tudo que temos direito - capa dura e miolo colorido -  além de outras recompensas como escudo do mestre, marcador de página, pôster, baralho de vilania em pdf, baralho de heróis em pdf e arte exclusiva do seu personagem! 
-
Apesar de um valor inicial de financiamento mais pé no chão, as metas extras são ambiciosas. Com a possibilidade de ter todos os suplementos impressos, trazendo assim além do livro básico mais três livros no cenário de Masks. Coleção do Diário de Pacatópolis, Segredos da A.E.G.I.S. e Sem fronteiras podem ter desde versões traduzidas em PDF até seu formato físico.
-
Para participar do financiamento de Masks: a nova geração, basta escolher o apoio que contemple aquilo que seja do seu interesse e caiba no seu bolso. A campanha ficará disponível por mais 21 dias no Catarse (a contar de 13/09) e tem entrega de recompensas prevista para Dezembro de 2021 em formato digital e Fevereiro de 2022 em formato físico.
-
Agora que você já está por dentro de tudo confira a página do projeto no Catarse no abaixo e descubra mais informações: quais exatamente são as recompensas, detalhes sobre como seu dinheiro será investido, artes etc. A campanha segue aberta até o dia 19 de Junho e pode ser acessada pelo link catarse.me/masksanovageracao.
A Circuito Camaleão é uma editora que nasceu plural, assim como o circuito camaleão da T.A.R.D.I.S, que se transforma e se adapta ao espaço-tempo em volta, a editora está sempre atenta às mudanças, transformando-se, evoluindo, transicionando entre os diferentes eixos da publicação editorial. Isso não significa falta de foco! Focada em ficção científica e fantasia, busca atrair leitores apaixonados e engajados, que estão dispostos a viver as emoções de publicações progressistas sem deixar de ter o tradicional cuidado editorial brasileiro.


Ana Recalde tem 39 anos e é de Campo Grande, MS. Começou sua carreira como quadrinista no lançamento da revista Patre Primordium, em 2009. Em 2011 iniciou a webcomic Beladona, que no final de 2014 se tornou livro por meio de financiamento coletivo e ganhou o Troféu HQMix como melhor web quadrinho de 2014. Também participou de várias coletâneas como Quadrinhópole, Petisco Apresenta, Clássicos Revisitados: Monstros Noir e Feitiço da Vila. Além de roteirista, também foi organizadora do selo Pagu Comics.
-
Andréia Fernandes tem 29 anos, é mineira, cresceu em São Paulo e mora no Ceará. Está concluindo a graduação em Comunicação Social – Produção editorial na UFRJ.
Desde 2012 estuda o mercado de quadrinhos brasileiro. Trabalhou na organização da SIQ – Semana Internacional de Quadrinhos da UFRJ, foi estagiária na Balão Editorial, foi social media na Banca do Cícero e editora-assistente na Pagu Comics. Atua como freelancer fazendo revisão, preparação e leitura crítica de quadrinhos. Apresenta o Traços Negros, um canal no Youtube, onde entrevista quadrinistas negros de todo o Brasil.
-
Thiago Lima tem 40 anos, é natural do Rio de Janeiro, mas atualmente mora em Campo Grande, MS. Sempre foi fascinado por histórias em quadrinhos, literatura fantástica, RPG, jogos e séries, ao ponto de querer sair do ramo da advocacia para se dedicar exclusivamente à editora.

Review | A Canção de Aquiles

Em A Canção de Aquiles de Madeline Miller, somos transportados para a Grécia Antiga repleta de deuses caprichosos, reis e heróis lendários e tantos outros apresentados na Ilíada de Homero. Nosso guia e narrador, é o jovem e tímido príncipe Pátroclo, que acaba exilado no reino de Fítia, onde encontra Aquiles – filho do rei e da deusa Tétis.
-
A presença do jovem e belo príncipe destinado a ser o maior dos guerreiros de sua época mexe com Pátroclo em níveis que ele é incapaz de compreender, mas certamente está disposto a tentar. Mesmo tão diferentes, os jovens desenvolvem uma forte conexão, que apenas se intensifica durante os anos de treinamento com o centauro Quíron, apesar da desaprovação da mãe divina. Quando surge a notícia de que a rainha de Esparta, Helena, foi raptada e que os homens gregos devem honrar um antigo juramento e partir para Tróia a fim de libertá-la, Aquiles é chamado para cumprir seu destino heróico. Movido pelo amor que sente pelo príncipe de Fítia e temendo perdê-lo por conta da profecia, Pátroclo irá acompanhá-lo para o campo de batalha. Um caminho de glória e sangue, dor e amor, onde até mesmo a tragédia podia contar uma das mais belas histórias.
-
É bom salientar, o conflito contra Tróia — embora seja o ponto central da Ilíada e seja muito bem retratado em diversos momentos aqui — não é o cerne de A Canção de Aquiles. O que encontramos nestas páginas são histórias sobre relações humanas, em diversas formas e contextos.
-
Calcada em uma forte pesquisa acadêmica e bastante respeito à obra original, Miller primorosamente constrói uma narrativa envolvente e ágil que se sustenta por si só. A prosa trazida pela autora - e pela tradução de Gilson César Cardoso de Sousa - é bela e poética, porém longe de ser complicada. É gostoso ler e aproveitar cada detalhe do texto e a forma como é posto, e certamente Madeline Miller ganharia minha atenção apenas por isso. Contudo, ela entrega mais.
-
As personagens desenvolvidas por ela — mesmo quando divinas — são extremamente humanas, para bem ou para mal. Durante toda a primeira etapa do livro, acompanhamos um apaixonado Pátroclo que venera Aquiles e duvida muito de si mesmo. Apesar de em momentos irritante, a presença desses defeitos em contraste com a perfeição de Aquiles é que tornam a sua jornada de crescimento tão interessante. Em especial na segunda etapa — durante a Guerra de Tróia — onde vemos Aquiles cada vez mais humano e falho, e Pátroclo cada vez mais profundo, interessante e capaz. Em muitos momentos me envolvi em sentimentos mistos em relação a diversos personagens tão bem fui enredado por sua construção.
-
Para uns, o reencontro com uma história clássica através de um novo olhar. Para outros, a descoberta de um mito antigo mediante uma narrativa moderna que pode ou não despertar curiosidade pela obra original. Independente de qual for o ponto de partida, o destino final é o mesmo: uma fantástica e envolvente narrativa trágica sobre sobre o amor!

Título: A Canção de Aquiles | Editora: Planeta - Minotauro
Autora: Madeline Miller | Tradução: Gilson César Cardoso de Sousa
Ano: 2021 | Gênero: Romance, Ficção Contemporânea, Drama

COMPRE - SKOOB - GOODREADS


Review | Os Sete Maridos de Evelyn Hugo

Imagem retangular com uma montagem de elementos. Sobreposto sobre uma imagem do céu estrelado em tons de azul, um retângulo com bordas brancas contém: um recorte da capa do livro Os Sete Maridos de Evelyn Hugo, mostrando uma figura feminina  em um vestido de festa e colar de perolas. A imagem usa um filtro verde que impede de perceber maiores detalhes.

O #ClubedoMultiverso, nosso clube de leituras, tem proporcionado diversas experiências em relação a gêneros e formatos literários, em sua maioria extremamente positivas. A mais recente delas foi com Os Sete Maridos de Evelyn Hugo, obra de Taylor Jenkins Reid.
-
Quem me conhece sabe bem disso, mas essa é uma leitura que não se encaixa no meu padrão habitual e, apesar de todo furor e elogio, certamente não teria entrado no meu radar. É necessário destacar esse ponto logo no início dessa postagem justamente para garantir que você que é como esse eu do passado — um tanto limitado sobre o que lê ou não — não desperdice a chance de ler uma obra incrível.
-
O livro conta a história de Monique Grant, uma jovem jornalista que finalmente conseguiu emprego em uma revista em Nova York após anos de trabalhos como freelancer. Quando a lendária estrela de cinema Evelyn Hugo a escolhe para uma entrevista exclusiva, Monique vê uma oportunidade de se destacar, mudar sua vida profissional e deixar de lado os problemas do casamento. No entanto, mal sabia ela que Evelyn tinha os próprios planos, muito maiores, para ela.
-
Prestes a completar oitenta anos e reclusa em seu apartamento no Upper East Side, a famigerada atriz decide que será Monique quem contaria a sua "verdadeira história", não em uma matéria, mas em sua biografia, com tudo de bom e de ruim que já lhe aconteceu e/ou realizou. Ao aceitar a tarefa, a jovem repórter se dá conta de que nada é por acaso e que suas vidas e trajetórias podem estar conectadas por um segredo que Evelyn esconde.
-
A narrativa criada por Taylor Jenkins Reid — e por consequência a tradução Alexandre Boide — é envolvente em vários níveis. Apesar da complexidade nas escolhas das personagens e temáticas abordadas, o texto é simples e fluido, e aguça o leitor através da construção daquela realidade e da intimidade proporcionada pelas narradoras. Reid consegue trabalhar muito bem as narrativas — sim, no plural — em primeira pessoa e brincar com os tempos verbais, também adicionando variações aos formatos, como notas de colunas sociais e fofocas sobre os acontecimentos narrados durante a trama.
-
A autora cria personagens críveis, falhas, porém fortes e cativantes cada qual à sua maneira. A construção de tudo em torno do esplendoroso mundo de Hollywood traz um peso necessário para compreender — o que não significa concordar — as difíceis e amargas decisões das personagens sobre sacrifícios, segredos ocultos e o preço da fama. É fácil amar, odiar, rir, chorar e tudo isso de novo, quanto se trata de Evelyn Hugo e seus amores!
-
E, considerados todos elementos, é muito difícil não se deixar levar por algum ponto ou refletir sobre o que ali está. Reid é tão intensa em sua abordagem quanto suas personagens! Não apenas por trazer temas cotidianos importantes como violência doméstica, feminismo e sexualidade para quem quer sair da zona de conforto e viver emoções intensas, mas também como um excelente retrato histórico e político sobre as questões que as cercam.
-
Em cada detalhe dessa obra, me vi fisgado e envolvido, mas, como jornalista de formação, foi com Monique e a parte profissional de seu drama que tive uma relação mais próxima. Não me entendam mal, todas as questões ao redor de Evelyn — para o bem ou para o mal — são bastante humanas, mas quando postas em sua realidade hollywoodiana e milionária acrescentam um grau de distanciamento que as torna mais difíceis de relacionar. Já Monique tem dificuldades mais mundanas, problemas para se impor, para pensar primeiro em si, para reconhecer o potencial que tem. Questões que me fizeram repensar diversas situações até aqui, profissionalmente, e também pessoalmente.
-
É difícil expor mais sem entregar os detalhes de Os Sete Maridos de Evelyn Hugo, mas posso afirmar sem sombras de dúvidas que esse livro me despertou a vontade de conhecer não apenas os outros trabalhos da autora, como explorar cada vez mais histórias fora do meu padrão de leitura. Uma obra mais que recomendada!

Querida Evelyn Hugo,
Desprezo a maioria de suas atitudes, mas te admiro muito mais.

Com carinho,
Ace Barros

Quer aprofundar mais no papo?
Já leu e quer comentar? No próximo domingo, dia 29 de Agosto, às 20h, temos a discussão final sobre a obra lá no Discord.
Não leu ainda? Calma, em breve sai um episódio do podcast com spoilers para você escutar e participar da discussão.

Título: Os Sete Maridos de Evelyn Hugo | Editora: Paralela
Autora: Taylor Jenkins Reid | Tradução: Alexandre Boide
Ano: 2019 | Gênero: Romance, Ficção Contemporânea, Drama

COMPRE - SKOOB - GOODREADS

#ClubedoMultiverso.:19 | A Pequena Livraria dos Corações Solitários

Imagem retangular com uma montagem de elementos. Sobreposto sobre uma imagem do céu estrelado em tons de azul, um retângulo com bordas brancas contém: recorte da ilustração de capa de A Pequena Livraria dos Corações Solitários, trazendo em uma fachada de loja rosa, com vidros grandes onde se vê  silhueta de um casal se beijando em meio a vários livros. Em destaque sobre a imagem em letras brancas o título do podcast se destaca no canto inferior esquerdo: Clube do Multiverso. Enquanto no canto superior direito três ícones - um foguete um microfone e um número - representam a nave Interlúdio, que se trata de um podcast e sua numeração 19.

Reproduzir Em Uma Nova Aba - Faça o Download - Arquivo Zip
 
Está no ar mais um #ClubedoMultiverso. Aqui, junto com nossos leitores e ouvintes, entregamos o resultado dos debates sobre a leitura conjunta de uma determinada obra, realizada em nossa comunidade no Discord no mês anterior.
Em nossa leitura coletiva de Julho de 2021, acompanhamos uma jornada de amor aos livros e o resgate de uma livraria charmosa no meio de Londres, mas também um tanto problemática: A Pequena Livraria dos Corações Solitários, obra de Annie Darling. Nesse episódio, junto do Capitão Ace Barros, estão Airechu e Camila Loricchio.
Ouça e descubra o que achamos dessa leitura; entre em um debate sobre o mocinho invasivo e outros erros da obra; tenha vontade de se livrar dos protagonistas para ler sobre os coadjuvantes; encontre o que á de bom nessa leitura; e conte pra nós qual nicho literário teria a sua livraria.
Acompanhe-nos, estimados exploradores de universos!

DURAÇÃO: 43 Minutos e 14 Segundos

COMENTADOS NO PODCAST:

Livro | A Pequena Livraria dos Corações Solitários, de Annie Darling - Skoob - Compre na Amazon
A TRIPULAÇÃO NAS REDES:
Twitter: @MultiversoX - @CapAceBarros - @_Airechu - @JulioBarcellos - @sih_souz - @camiaetria - @samuelmuca_
Instagram: @multiversox - @_airechu @juliobarcellos - @castelodecartas -  @samuelmuca_dd
Facebook: Multiverso X
Skoob: 
CapAceBarros - Airechu - JulioBarcellos - Sih - Camila Loricchio - Samuel Muca

QUER O FEED PARA ADICIONAR NO SEU AGREGADOR FAVORITO?

Assine o nosso feed: feeds.feedburner.com/multiversox/podcast

SUGESTÕES, CRÍTICAS E DÚVIDAS:

Envie e-mails para: contato@multiversox.com.br


Interlúdio.:22 | Lésbicas Espaciais, Rodrigo Hilbert Yakuza e Três Mendigos com um Bebê


Reproduzir Em Uma Nova Aba - Faça o Download - Arquivo Zip
 
A bordo da Interlúdio, o Capitão Ace Barros e sua Imediata, Hall-e, recebem ajuda dos tripulantes Camila Loricchio e Simone Souza para falar sobre animações (e também mal da Netflix, seu aumento e outros serviços de streamings)! Hoje é de indicação com três obras bem diferentes uma das outras!
Ouça e saiba mais sobre o Rodrigo Hilbert Yakuza que protagoniza um desenho levemente desanimado (mas muito interessante); acompanhe três pessoas em situação de rua tentando achar os pais de um bebê em Tokio durante o natal e encontre relação com A Era do Gelo; e aventure-se por Beach City, e pelo espaço, com um adolescente irritante e lésbicas espaciais em uma maravilhosa jornada de crescimento, aprendizado e respeito!
Acompanhe-nos, estimados exploradores de universos!

DURAÇÃO: 57 Minutos 54 Segundos

COMENTADOS NO PODCAST:
A TRIPULAÇÃO NAS REDES:
Twitter: @MultiversoX - @CapAceBarros - @_Airechu - @JulioBarcellos - @sih_souz - @camiaetria - @samuelmuca_
Instagram: @multiversox - @_airechu @juliobarcellos - @castelodecartas -  @samuelmuca_dd
Facebook: Multiverso X
Skoob: 
CapAceBarros - Airechu - JulioBarcellos - Sih - Camila Loricchio - Samuel Muca

QUER O FEED PARA ADICIONAR NO SEU AGREGADOR FAVORITO?

Assine o nosso feed: feeds.feedburner.com/multiversox/podcast

SUGESTÕES, CRÍTICAS E DÚVIDAS:

Envie e-mails para: contato@multiversox.com.br

AVEC Editora | Fantasia Sombria, Aniversário e 7 dias de E-book grátis




Hoje é um dia de comemoração! Os parceiros da AVEC Editora estão completando 7 anos de existência, mais de 100 livros publicados, e trazendo mais novidades para os leitores e também presentes. Sim! Presentes para todos!
Mas calma! Antes de falar dos presentes, falemos sobre o lançamento: foi iniciada a pré-venda do primeiro romance de fantasia medieval da AVEC Editora, Lua Rubra! Um romance com vários pontos de vista, e até a última página não sabemos para quem torcer, já que nem todo mundo é o que aparenta. Você pode conferir mais da sinopse, dados, capa e link para a pré-venda logo abaixo.

Aos nove anos, Vika conhece o caos. É a primeira vez que ela enxerga sua face, quando todos de seu vilarejo são mortos diante de seus olhos. Amedrontada, a garota foge e acaba nas ruínas de um antigo castelo, onde um monstro a aguarda nas sombras. A criança percebe que a criatura não é maligna como ela pensava, e aquele que era para ser seu algoz, torna-se seu protetor.
Em Lua Rubra, uma fantasia sombria repleta de mistérios, drama e ação, o leitor acompanhará uma mesma história sob três perspectivas: a de uma criança; a de um vampiro; e a de um caçador de monstros.
Em um mundo cruel, no qual homens fazem chover sangue com suas armas e feras escondem-se na escuridão, quem é o monstro, afinal?

PREÇO: de R$ 39,90 por 35,90
FORMATO: 16x23 cm, 176 páginas
Papel: Pólen soft 80g
Capa: Supremo cartão 250g Prolan fosco
CATEGORIA: fantasia / fantasia sombria/ vampiros

Editor: Artur Vecchi.
Diagramação: Vitor Coelho
Autor: Philippe Alencar

Pré-Venda - https://aveceditora.com.br/produto/lua-rubra/



Agora, o que todos estavam curiosos! Não precisa negar, eu sei. Teremos 7 dias de e-books gratuitos, cada dia dedicado a um ano da AVEC Editora. Os e-books ficarão gratuitos por 24 horas, portanto não perca a chance de baixa-los nas lojas online. Se você faz parte da nossa comunidade no discord nem precisa se preocupar: teremos alertas diários sobre os livros.

Dia 02/08 - 2014


Rio: Zona de Guerra
Beladona

Dia 03/08 - 2015


Le Chevalier e a exposição universal
Coleção Sobrenatural: vampiros
Dioniso

Dia 04/08 - 2016


Treze
O caminho do louco
O Coração do Cão Negro
Le Chevalier: arquivos secretos

Dia 05/08 - 2017


Guanabara Real : a Alcova da Morte
Sherlock e os aventureiros: o mistério dos planos roubados
Alena
A canção do Cão Negro

Dia 06/08 - 2018


Betina Vlad e o castelo da Noite Eterna
O segredo de Ahk-MAnethon
Vera Cruz: Sonhos e Pesadelos
Desafiadores do Destino
Born Cartolla

Dia 07/08 - 2019


O estranho oeste de Kane Blackmoon
Onda de Crimes
Viajantes do Abismo
Porém Bruxa
La Dame Chevalier
Elisio: uma jornada ao inferno
O matrimonio de céu e Inferno

Dia 08/08 - 2020


Multiverso Pulp: espada e Feitçaria
A fonte da Felicidade
A cicatriz Invisivel
Aos que habitam a escuridão
Dezessete Mortos
Ex-libris
A segunda Morte de Suellen Rocha

Dia 09/08 - 2021


Narrativas do Medo 1
As Vozes Sombrias de Irena
Lições: Rubro e Roxo
As Crias de Hastur
Ratos de cemitério
O cão negro de Clontarf
O jovem Arsene Lupin e a Dança Macabra


Divulgação | Vancouver Animation School chega ao Brasil com webinário gratuito de animação profissional

Estão abertas as inscrições para todo o Brasil do webinário gratuito de animação profissional promovido pela Vancouver Animation School (VANAS), maior instituição de ensino do gênero no Canadá. O evento acontece nos sábados 31 de julho e 4 de setembro, às 14h, com transmissão ao vivo pela plataforma Zoom. O programa oferece a profissionais e interessados noções de animação 3D e arte conceitual com apresentação da escola para o público brasileiro. Inscrições nos links bit.ly/3yY3iZm (dia 31/07) e bit.ly/3z6DoCL (dia 04/09). A atividade será em inglês e as vagas são limitadas.

Fundada em 2010, a Vancouver Animation School é uma escola on-line totalmente credenciada que oferece programas avançados para as indústrias de animação, efeitos visuais e videogames. A empresa oferece certificados vocacionais, diplomas e cursos universitários em uma variedade de campos de arte e tecnologia, mídia e design. Em 2013, a VANAS se tornou a primeira instituição 100% online a ser totalmente credenciada pela Private Career Training Institutions Agency (PCTIA), órgão regulatório da Colúmbia Britânica, Canadá.

O webinário traz as diretrizes e objetivos da Vancouver Animation School e seu corpo docente, além de conceitos de animação com o diretor da instituição, o norte-americano Calvin Leduc, ex-animador da Disney. Ele trabalhou em diversas animações do estúdio, entre elas "Uma Cilada para Roger Rabbit" (1988) e "Mulan" (1998). Outro nome de destaque é o ilustrador estadunidense Todd Marshall ("Jurassic Park") que vai lecionar arte conceitual. Também participa o mexicano Mario Pochat, CEO e fundador da VANAS, que trabalhou como animador em "Garfield 2" (2006) e no game "Dead Rising 3" (2013).

Em setembro, a Vancouver Animation School abre sua primeira turma para alunos brasileiros com preços especiais para alunos residentes no país. Regularmente, a instituição oferece tutoriais gratuitos em seu canal no YouTube.
Alumni Showcase - cred. Vancouver Animation School

Webinário Vancouver Animation School de animação profissional

Gratuito | Em inglês | Na plataforma Zoom
Dia 31 de julho, 14h | Inscrições: https://bit.ly/3yY3iZm
Dia 4 de setembro, 14h | Inscrições: https://bit.ly/3z6DoCL


Programação - Dia 31 de julho/4 de setembro, 14h

Apresentação do diretor da faculdade, Calvin Leduc - 2min;
O que é VANAS, 10 min;
Universidade, 1 min;
Demonstração 1: Animação 3d, 10 min por Calvin Leduc (Disney Animation);
Apresentação do professor 3 mins;
Demonstração 2: Arte Conceitual, 10 min por Todd Marshall (Jurassic Park);
Showcase do estudante, 10 min;
Programa de Entretenimento Digital para o Brasil, 5 min;
Q&A, VANAS Brasil, 5 min.

Personagem e Objetos - cred. Stephanie Dominguez

Estruturas - cred. Stephanie Dominguez

Design de Veículo - cred. Stephanie Dominguez

Design de Personagem - cred. Fran Delgado

Design de criaturas - cred. Stephanie Dominguez

Colour Keyes - cred. Stephanie Dominguez

Review | Assassin’s Creed Valhalla - Canção de Glória

Assassin’s Creed Valhalla aproveita a onda de popularidade da temática viking e, como bom universo expandido, não se restringe apenas aos jogos. A franquia da Ubisoft, também está presente em outros formatos de mídia, como livros e quadrinhos, seja como adaptações ou tramas inéditas do cânone. Como é o caso de Canção de Glória.
Nesta Graphic Novel acompanhamos os irmãos Noruegueses Eivor e Sigurd - em um momento anterior aos narrados durante o jogo - buscando, como todo bom guerreiro viking, a chance de se provar e conquistar a glória.
Sigurd entende melhor as nuances fora dos campos de batalha e busca longe de casa uma arma lendária que o tornará mais conhecido e temido. Contudo, o guerreiro cauteloso irá se deparar um membro de uma ordem oculta e uma arma nova que despertará sua atenção.
Eivor busca uma forma de se provar e ganhar o respeito do Rei Styrbjorne, seu pai de criação. A guerreira impulsiva acaba gerando uma série de situações que a colocarão diante de uma bruxa, um poderoso e antigo artefato mistico, e o próprio reinado de seu pai em risco.
Distantes um do outro, a obra faz dos personagens pontos focais para nos mostrar detalhes sobre personagens presentes no game e conversar com elementos bem conhecidos dos fãs da franquia.
Apesar de ponto alto e chamariz da obra, essa íntima relação com o jogo Assassin’s Creed Valhalla é seu ponto mais fraco. Canção de Glória ainda é uma rápida e divertida leitura, com uma boa arte que foca muito bem nos momentos de ação e cenas de violência impactantes dignos de uma boa trama viking. Porém, é como um prelúdio a trama do game e nos easter eggs que ela encontra seu brilho!
Por fim, se há um ponto em que ninguém pode por defeitos é na edição da Planeta Minotauro! Páginas em papel couché, capa dura, folha de guarda personalizada e acabamento, definitivamente, impecáveis.
Leitores que não tenham contato com os jogos poderão gostar desta leitura? Sim, afinal ainda é uma boa história sobre guerreiros nórdicos! Mas aqueles que têm uma relação mais profunda com Assassin’s Creed certamente irão tem uma experiência ainda mais completa!


Título: Assassin’s Creed Valhalla - Canção de Glória
Roteiro: Cavan Scott | Arte: Martín Túnica | Cores: Michael Atiyeh |
Editora: Planeta - Minotauro | Tradução: Petê Rissati
Ano: 2021 | Gênero: Terror, Suspense



Interlúdio.:21 | Ai meu Deus! O Tema é Arlindo! #Quadrinhos

Imagem retangular com uma montagem de elementos. Sobreposto sobre uma imagem do céu estrelado em tons de azul, um retângulo com bordas brancas contém: a ilustração de Arlindo, personagem principal da hq homonima, um garoto desenhado em amarelo, cabeçudo, usando uma comiseta branca em frente ao um fundo rosa.
Em destaque sobre a imagem em letras brancas o título do podcast Interlúdio se destaca no canto inferior esquerdo. Enquanto no canto superior direito três ícones - um foguete um microfone e um número - representam a nave Interlúdio, que se trata de um podcast e sua numeração 21.

Reproduzir Em Uma Nova Aba - Faça o Download - Arquivo Zip
 
A bordo da Interlúdio, o Capitão Ace Barros e sua Imediata, Hall-e, recebem ajuda dos tripulantes AirechuCamila Loricchio e Julio Barcelos para falar sobre Arlindo! Sim, de novo! Mas dessa vez de forma completa!
Ouça e saiba mais sobre essa história em quadrinhos de Luiza de Souza; se apaixone por Arlindo e seus amigos; sorria e chore com cada ponto da história cativante e emocionante; grite conosco que ninguém está errado em existir; e leia Arlindo, gostoso demais!
Acompanhe-nos, estimado explorador de universos!

DURAÇÃO: 1h 02 Minutos 51 Segundos

COMENTADOS NO PODCAST:

Apoie | Faça compras na: Amazon - Americanas - Submarino - Magalu - Jambô
Parceiros | Inscreva-se! Participe da Flipop!
Quadrinho | Arlindo, Luiza de Souza ou Ilustralu - Leia no Twitter - Compre na Amazon
Podcast | Interlúdio.:07 | Ai meu deus! Quadrinhos para ler On e Offline

ENCONTRE O X DO MULTIVERSO:
Faça parte do nosso grupo do Discord


A TRIPULAÇÃO NAS REDES:
Twitter: @MultiversoX - @CapAceBarros - @_Airechu - @JulioBarcellos - @sih_souz - @camiaetria - @samuelmuca_
Instagram: @multiversox - @_airechu @juliobarcellos - @castelodecartas -  @samuelmuca_dd
Facebook: Multiverso X
Skoob: 
CapAceBarros - Airechu - JulioBarcellos - Sih - Camila Loricchio - Samuel Muca

QUER O FEED PARA ADICIONAR NO SEU AGREGADOR FAVORITO?

Assine o nosso feed: feeds.feedburner.com/multiversox/podcast

SUGESTÕES, CRÍTICAS E DÚVIDAS:

Envie e-mails para: contato@multiversox.com.br

Interlúdio.:20 | Tag dos 50% (2021) #Literatura

Imagem retangular com uma montagem de elementos. Sobreposto sobre uma imagem do céu estrelado em tons de azul, um retângulo com bordas brancas contém: uma montagem em três faixas horizontais, sendo a inferior e a superior formada por capas de leituras citadas durante o episódio, e a central, branca e uniforme, com um texto em preto no centro dizendo TAG dos 50% - leituras 2021.
Em destaque sobre a imagem em letras brancas o título do podcast Interlúdio se destaca no canto inferior esquerdo. Enquanto no canto superior direito três ícones - um foguete um microfone e um número - representam a nave Interlúdio, que se trata de um podcast e sua numeração 20.

Reproduzir Em Uma Nova Aba - Faça o Download - Arquivo Zip
 
A bordo da Interlúdio, o Capitão Ace Barros e sua Imediata, Hall-e, recebem ajuda dos tripulantes AirechuCamila Loricchio e Simone Souza para manter o hábito muito comum aos produtores de conteúdo ligados a literatura, seja o Youtube, Instagram ou Blogs: responder as perguntas da TAG dos 50%!
Ouça e saiba mais sobre as surpresas, decepções, tretas e desejos da tripulação em relação as leituras do primeiro semestre de 2021; descubra se pra você seria fácil ou difícil responder as perguntas; venha e responda conosco.
Acompanhe-nos, estimado explorador de universos!

DURAÇÃO: 1h 18 Minutos 24 Segundos

COMENTADOS NO PODCAST:

Apoie | Faça compras na: Amazon - Americanas - Submarino - Magalu - Jambô
Parceiros | Inscreva-se! Participe do Playtest do OD2!
Parceiros | Demo de Reverie Knights Tactics disponível na Steam
Pergunta 1 | O melhor livro que você leu até agora. 
Pergunta 2 | A melhor continuação que você leu até agora 
Pergunta 3 | O livro que mais te decepcionou esse ano
Pergunta 4 | O livro que mais te surpreendeu esse ano 
Pergunta 5 | Novo autor favorito (que lançou seu primeiro livro nesse semestre, ou que você conheceu recentemente) 
Pergunta 6 | Seu personagem favorito mais recente
Pergunta 7 | Um livro que te fez chorar nesse primeiro semestre
Pergunta 8 | Um livro que te deixou feliz nesse primeiro semestre
Pergunta 9 | O livro mais bonito que você comprou ou ganhou esse ano
Pergunta 10 | Quais livros você precisa ou quer muito ler até o final do ano?

ENCONTRE O X DO MULTIVERSO:
Faça parte do nosso grupo do Discord


A TRIPULAÇÃO NAS REDES:
Twitter: @MultiversoX - @CapAceBarros - @_Airechu - @JulioBarcellos - @sih_souz - @camiaetria - @samuelmuca_
Instagram: @multiversox - @_airechu @juliobarcellos - @castelodecartas -  @samuelmuca_dd
Facebook: Multiverso X
Skoob: 
CapAceBarros - Airechu - JulioBarcellos - Sih - Camila Loricchio - Samuel Muca

QUER O FEED PARA ADICIONAR NO SEU AGREGADOR FAVORITO?

Assine o nosso feed: feeds.feedburner.com/multiversox/podcast

SUGESTÕES, CRÍTICAS E DÚVIDAS:

Envie e-mails para: contato@multiversox.com.br

Reverie Knights Tactics | Game nacional ambientado no universo Tormenta ganha demo na Steam

A demo do game independente Reverie Knights Tactics já pode ser jogada gratuitamente na Steam. Uma live com os desenvolvedores acontece no dia 19 de julho, segunda-feira, no Instagram, às 19h. O jogo de RPG tático é uma realização da 40 Giants Entertainment, em coprodução com a Hype Animation e Jambô Editora. Baseada na franquia nacional Tormenta, Reverie Knights Tactics tem lançamento mundial previsto para o final de 2021, nas plataformas Playstation 4 e 5, Xbox One e Series S/X, Nintendo Switch e PC (Steam). A distribuição fica a cargo da publisher europeia 1C Entertainment (King’s Bounty 2).

Reverie Knights Tactics é um RPG (role-playing game) de turnos com batalhas em cenários isométricos, onde cada escolha pode alterar a história. Em um mundo ilustrado à mão, o jogador controla uma equipe de até quatro heróis numa expedição para encontrar Lenórienn, a perdida cidade élfica enquanto luta contra a ameaça goblinoide que espalha terror no continente. Em desenvolvimento há quatro anos, Reverie Knights Tactics utiliza personagens e cenários recorrentes do universo Tormenta. Criada em 1999 por Marcelo Cassaro, Rogério Saladino e JM Trevisan, o universo abrange romances, quadrinhos, jogos e outros produtos.

Para o diretor e ilustrador do projeto, EdH Müller, Reverie Knights Tactics foi pensado para levar o mundo de Tormenta para o exterior. O game virá com opções em vários idiomas, entre eles o inglês, chinês e russo. Müller destaca a narrativa como um dos diferenciais do RPG tático: "A gente alia duas coisas que são fundamentais para esse tipo de jogo: ter uma história rica, interessante, e contar essa história não apenas pelo desenrolar dos personagens, mas também de forma que todos os cenários e elementos visuais estejam ali para contar essa história”, promete Müller. O desenvolvedor aposta na exploração dos ambientes.

Customização de personagens, criação de itens e mapas expansivos, entre outros elementos indispensáveis ao gênero são parte do gameplay de Reverie Knights Tactics. A jogabilidade das batalhas segue o estilo clássico para quem já gosta do estilo RPG, segundo os desenvolvedores. A demo disponível na Steam serve de prólogo e dá acesso à primeira hora do jogo com a protagonista Aurora e sua melhor amiga Brigandine. As duas partem para um continente desconhecido em busca de Marius, o pai adotivo de Aurora que desapareceu em uma expedição. As decisões do jogador definirão o desenrolar dos acontecimentos.

Reverie Knights Tactics: Prologue

Demo gratuita disponível na Steam - https://bit.ly/3rdSPXd
Live dia 19/07/21 (ter), às 19h - no Instagram - instagram.com/40giants


Equipe técnica:

Produção: 40 Giants Entertainment | Coprodução: Hype Animation e Jambô Editora | Publisher: 1C Entertainment | Diretor, Produtor Executivo e Ilustrador: EdH Müller | Argumento Inicial: Marcelo Cassaro | Roteiro: Thiago Rech | Produtores Executivos: Gabriel Garcia e Guilherme Dei Svaldi| Programação: Matheus Nunes | Diretor de Animação: Fabiano Pandolfi | Música e Sound Design: YoHo Musik Arsenal | Game/Level Designer: Leonardo Cunha.

Sobre 40 Giants Entertainment

A 40 Giants Entertainment é um estúdio criativo transmídia sediado na cidade de Porto Alegre (RS), com foco em desenvolvimento de games, histórias em quadrinhos, e ilustrações para a indústria do entretenimento, utilizando propriedades intelectuais licenciadas ou originais. Embora seja recém fundada em 2020, sua equipe possui experiência em mais de 20 anos de mercado, atuando tanto no Brasil quanto internacionalmente. Instagram: @40giants | Website: fortygiants.com
Sobre Hype Animation

Premiado estúdio de animação localizado na cidade de Porto Alegre (RS). Seus trabalhos mais recentes incluem as séries animadas "Tainá e os Guardiões da Amazônia" (2018) (Nickelodeon, Netflix) e "Viola e Tambor" (2019) (Disney Junior). Integra o maior estúdio coletivo de animação da América Latina, Los Amigos, responsável pela série "Angry Birds Bubble Trouble" (2020) (YouTube). Também produziu a série “Dino Aventuras” (2015) (Disney Junior). Instagram: @hypeanimation | Website: hype.cg
Sobre Jambô Editora

Fundada em 2002, a Jambô publica jogos de RPG - sendo a maior editora do Brasil neste segmento - literatura fantástica e quadrinhos. Seus produtos incluem a Dragão Brasil, maior revista de RPG e cultura nerd do país; Tormenta, universo de fantasia com 20 anos de existência e que abrange romances, quadrinhos e jogos; a série de livros-jogos Fighting Fantasy, a série de romances de Dungeons & Dragons; Guerra dos Tronos RPG e Holy Avenger. Tem sua sede em Porto Alegre (RS). Instagram: @jamboeditora | Website: jamboeditora.com.br
Sobre 1C Entertainment

1C Entertainment é uma multinacional com escritórios localizados em Varsóvia, Gdansk, Praga, Budapeste e Moscou que atua nos segmentos de produção, distribuição e serviços para desenvolvedores de videogames. A 1C Entertainment lançou com sucesso mais de 100 títulos de jogos, incluindo séries aclamadas pela crítica - "IL-2 Sturmovik", "King’s Bounty", "Men of War" e "Space Rangers". Lançamentos recentes incluem jogos como "Ancestors Legacy", "Fell Seal: Arbiter’s Mark", "Ion Fury" e "Deep Sky Derelicts”. Instagram: @1c_entertainment | Website: 1cpublishing.eu/