BEM-VINDO VIAJANTE! O QUE BUSCA NO MULTIVERSO?

Livros-Jogos - Para conhecer vá para a página 46





Parte romance, parte jogo, total diversão! Clássicos escritos por Ian Livingstone e Steve Jackson, parte da série Fighting Fantasy ou não, os Livros-Jogos são romances interativos onde você - o leitor - é quem, literalmente, vai guiar os rumos da trama.
-
Se você for um pouco mais velho e tenha vivido sua infância e adolescência nos anos 90, provavelmente já os conhece. Os Livros-Jogos figuraram como uma das principais portas de entrada para o mundo do RPG e formou uma boa leva de jogadores naquela época. Com simplicidade, alto fator de diversão e a emocionante oportunidade de fazer parte da aventura, os volumes introduziam com sutileza e facilidade os principais conceitos das mecânicas de regras. Além de tudo, era possível jogar sozinho e em qualquer lugar!
-
Um Livro-Jogo é único, pois oferece ao leitor a chance de abandonar a postura tradicionalmente passiva das leituras dos romances normais e assumir o papel do protagonista, participando dos eventos da narrativa. São suas escolhas que o levarão à etapa seguinte e assim por diante podendo chegar a finais variados ou destinos cruéis. Dentro de um livro-jogo VOCÊ é o herói!


Para quem ainda não entendeu bem, vou tentar explicar. Os livros-jogos misturam a emoção de uma boa leitura com a liberdade dos jogos de RPG, com o diferencial que pode ser lido/jogado sozinho e sem toda interpretação que envolve um RPG convencional. O que você prefere: entrar pela porta da esquerda ou da direita? Enfrentar aquele esqueleto que impede sua passagem ou tentar se esgueirar por um alçapão? Opções serão dadas através do uso de referências numeradas, mas a escolha de qual caminho seguir é toda sua. No fim de cada referência há uma lista de opções e são suas escolhas que o levarão a etapa seguinte e assim por diante podendo chegar a finais variados.
-
Além do livro, lápis e borracha são tudo de que você precisa para embarcar em uma emocionante aventura. Para não ficar perdido e solto demais na imaginação existe um sistema de combate e uma ficha de aventuras para anotar seus valores de características, além de suas vitórias e derrotas. E para auxiliá-lo com tudo isso, precisará de um dado. Não! Não é necessário ter um dado com você sempre que estiver lendo, para isso existem regras alternativas tão simples de serem seguidas quanto as anteriores.
-
Aonde fica a parte do romance, você ainda pode se perguntar depois de eu falar tanto da parte jogo. Separei aqui parte do preview disponível no site da Jambô Editora, atual detentora dos direitos de publicação da serie Fighting Fantasy no Brasil, para que vejam a parte literária. O titulo escolhido para a demonstração foi um dos meus favoritos: A Cripta do Feiticeiro (basta clicar no link para conferir).
Como já citado, a Jambô vêm trazendo de volta esta linha clássica já há algum tempo, com diversos lançamentos que você pode conferir e comprar na LOJA ONLINE da Editora ou procurar na sua livraria de preferência, pois eles estão disponíveis "nas melhores casas do ramo". Além disso, as novidades não param por aí. A editora tem investido em  produtos nacionais e o mais famoso cenário de RPG do Brasil - Tormenta - vai ganhar em breve o seu primeiro Livro-Jogo, mas sobre isso falaremos na próxima postagem...